Fabril empurrado para fora da Taça

gdfxod.jpg
O GD Fabril foi eliminado da Taça AFS após grandes penalidades, em mais um espectáculo deplorável de uma equipa de arbitragem. Começa a ficar evidente que são os senhores do apito, desta Associação, que estragam semana após semana os jogos e brincam com o esforço dos atletas. No fundo a culpa é de quem os coloca com um apito na boca…

A formação do GD Fabril não tinha como objectivo levar muito a sério esta competição, aliás foi até complicado para o técnico Jorge Prazeres formar uma equipa para entrar em campo. No entanto quando entramos nas quatro linhas fazê-mo-lo com o objectivo de vencer e hoje não era diferente.

O adversário é forte e entrou no João Pedro motivado, mas acabou por ser o Fabril a chegar à vantagem, aos 21 minutos, com um forte cabeceamento de Rocha.

O Oriental Dragon chegou ao empate dez minutos depois do golo fabril. Um desvio ao primeiro poste, após um pontapé de canto, bateu o guarda-redes Zé Carlos.

Em cima do intervalo (45’+2) a equipa fabril voltou a chegar à vantagem. Uma autêntica ‘bomba’ de Bruninho, na conversão de um livre direto.

Se o senhor Pedro Contumélias já havia tido uma primeira parte sem nível, a segunda acabou por ser deplorável. Valia de tudo para travar os jogadores do GD Fabril, só não valia era castigar os jogadores que o faziam. O Contumélias perdeu-se por completo.

Apesar de tudo isto o jogo caminhava para o seu final. O Oriental forçava o empate e a equipa fabril não deixava de procurar o terceiro golo. Acabou por serem os visitantes a marcar aos 87 minutos…

No prolongamento valeu tudo. O Contumélias decidiu expulsar Bruninho por este estar a ser provocado pelo banco adversário, aos 98 minutos. Faltavam jogar-se 22 no prolongamento. A equipa fabril estava cansada e foi obrigada a mais um esforço adicional.

O grande caso do jogo acabou por surgir aos 115 minutos. Caramelo fez o que quis da defesa adversária, entrou na área e quando posicionava-se para rematar foi claramente carregado em falta. Todos viram menos um tal de Contumélias…

O jogo seguiu para as grandes penalidades onde o Oriental – uma equipa muito organizada e que tem muita qualidade – acabou por levar a melhor e venceu por 4-1.

Destaque negativo para a lesão de Falé. O jovem extremo do GDF não merecia nova lesão, nesta oportunidade que teve de voltar aos relvados.

Na próxima semana regressa o campeonato, onde lideramos apesar de tudo o que tem acontecido, e o GD Fabril irá receber o Moitense.

.